Falar no Chat (+55) 11 4933-7711
Equipe de suporte ao paciente: Seg. à Sex. das 06:00h às 17:00h
(Horário de Brasília)
  • Serviço privado e confidencial Embalagem discreta e pagamento confidencial
  • Apenas medicamentos originais Medicamentos enviados da nossa farmácia registada no Reino Unido
  • Tudo incluído no preçoConsulta médica, prescrição e entrega expresso
  • Entrega em 7-10 dias
Fabricante: Teva

Azitromicina

  • azitromicina
  • azitromicina
  • azitromicina
  • azitromicina
  • azitromicina
  • azitromicina
  4.5 / 5
11 opiniões de pacientes no
Nosso serviço é licenciado:

A Azitromicina é o antibiótico de eleição para o tratamento da clamídia e para o tratamento da uretrite não-específica de causa bacteriana, tendo sido comprovada clinicamente eliminar a infecção em poucos dias. Após a administração de uma dose única de 1g, que corresponde a dois comprimidos de 500mg, os sintomas da clamídia e uretrite desaparecem em apenas 24 horas.

Dose
Tamanho da embalagem
  • Preço inclui todo o serviço Sem custos extras
    • Diagnóstico especializado
    • Prescrição médica
    • Entrega Grátis
    • Medicamento Original
  • Entrega Expressa Em 7-10 dias
    • Frete grátis - entrega via Correios em 7-10 dias úteis
    • Embalagem discreta sem qualquer menção da empresa, serviço ou medicamento
    • É possível realizar coleta numa agência caso prefira não receber no endereço
  • Medicamentos originaisDiagnóstico online especializado
    • Todos os medicamentos vendidos no nosso site são originais
    • Trabalhamos com os maiores fabricantes do mundo como por exemplo a Pfizer
    • Apenas podemos vender o medicamento após aprovação médica
Entregas são realizadas de 7 a 10 dias úteis e realizamos entrega em todo o Brasil.

O que é e uso médico?

A Azitromicina é um antibiótico do tipo macrólido que inibe a síntese proteica por parte das bactérias responsáveis pela clamídia e pela uretrite. Ao não conseguirem produzir proteínas, as bactérias não se conseguem multiplicar e são facilmente eliminadas pelo sistema imunitário, desaparecendo os sintomas em 24 horas e sendo a infecção completamente erradicada em poucos dias.

Estrutura quimíca da Azitromicina

O antibiótico Azitromicina foi desenvolvido antes da conhecida Eritromicina, ambos praticamente originários de pesquisas semelhantes, servindo para o tratamento de diversos tipos de infecções.

Entre as infecções tratadas com a Azitromicina podemos destacar:

  • Infecções respiratórias e do aparelho auditivo, como as situações de sinusite, bronquite, faringite, amigdalite, pneumonia, rinite ou otite médica (a conhecida infecção do ouvido médio);
  • Infecções de pele;
  • Infecções nos tecidos moles, como nos músculos, tendões e gorduras;
  • Infecções genitais, como uretrites e doenças sexualmente transmissíveis, como no caso de clamídia e gonorreia.

A Azitromicina é um antibiótico que combate diretamente as bactérias sensíveis ao seu principio ativo, impedindo que produzam as proteínas responsáveis pelo seu crescimento e reprodução.

Para o paciente portador das infecções descritas acima, a Azitromicina é o melhor medicamento, resolvendo os problemas infecciosos de forma rápida e eficaz.

O medicamento pode ser encontrado tanto em formato de comprimido como em suspensão oral, sendo também produzido em solução injetável para casos mais graves de infecções.

De forma geral, a Azitromicina consegue combater as infecções no prazo máximo de 3 dias, com doses de 500 mg por dia, para adultos. No caso de uso infantil, a dose deve ser recomendada por um médico, depois da análise do quadro infeccioso.

Mecanismo de ação da Azitromicina

A Azitromicina é um antibiótico derivado da Eritromicina, medicamento mais antigo e atualmente apenas aplicado em pomadas e colírios. Seu uso tornou-se mais popular em razão de sua posologia, mais confortável, já que pode ser usado apenas um comprimido por dia, pelo prazo máximo de 5 dias, havendo algumas infecções que podem ser combatidas com uma dose única do medicamento.

Uma das grandes vantagens da Azitromicina é seu espectro de ação mais amplo sobre os microrganismos que provocam a infecção, com uma difusão mais rápida nos tecidos, de ação mais elevada e com meia-vida biológica mais prolongada dos que outros antibióticos.

A Azitromicina é muito mais estável em meio ácido do que a Eritromicina e seu mecanismo de ação é através da inibição da síntese proteica bacteriana, através de sua ligação com a subunidade do ribossoma SOB, que impede a proliferação das bactérias. Mesmo com espectro de ação semelhante ao da Eritromicina, a Azitromicina consegue impedir o desenvolvimento das bactérias de forma mais rápida, impedindo que se reproduzam e que possam ser eliminadas do organismo.

Estudos clínicos sobre a Azitromicina

Os estudos clínicos sobre a Azitromicina demonstraram que o antibiótico tem como mecanismo de ação a inibição da síntese de proteínas bacterianas através de sua ligação com a subunidade ribossomal 50S, impedindo que haja proliferação das bactérias e eliminando a infecção provocada por sua presença.

Nos estudos, a Azitromicina demonstrou atividade benéfica, eliminando uma grande variedade de bactérias, incluindo as bactérias aeróbias granpositivas e estreptococos, além de demonstrar resistência cruzada contra cepas granpositivas resistentes à Eritromicina e a maioria das cepas de estafilococos.

A Azitromicina também se mostrou eficiente contra as bactérias aeróbias gran-negativas, surtindo também efeito contra as bactérias anaeróbias.

O componente ativo da Azitromicina também se mostra eficaz contra os microrganismos provocadores de doenças sexualmente transmissíveis, principalmente a Chlamydia trachomatis e o Treponema pallidum, a Neisseria gonorrhoea e a Haemophilus durecyi.

Outros microrganismos que são eliminados com a Azitromicina são a Borrelia burgdorferi (agente da doença de Lyme), Chlamydia pneumoniae, Toxoplasma gondii, Mycoplasma pneumoniae, Mycoplasma hominis, Ureaplasma urealyticum, Pneumocystis carinii, Mycobacterium avium-intracellulare, Campylobacter sp e Listeria monocytogenes.

Como tomar Azitromicina?

A Azitromicina para o tratamento da clamídia vaginal/peniana e da uretrite deve ser tomada com a ajuda de um copo de água e sem alimentos, por estes poderem reduzir a eficácia do tratamento. O tratamento de um dia numa única dose está indicado para as infecções genitais não complicadas pela bactéria Chlamydia spp.

Para ambas as condições, infecção por clamídia ou uretrite não-específica, está aconselhado o tratamento de 1 dia, que consiste na administração de uma dose única de Azitromicina 1g (dois comprimidos de 500mg).

Os antiácidos com alumínio ou magnésio podem diminuir a absorção da Azitromicina 500mg quando tomados ao mesmo tempo. Para evitar esta interacção, deve fazer um intervalo de duas horas entre a toma da Azitromicina e a toma de antiácidos.

Siga o tratamento conforme indicado, mesmo após a melhoria dos sintomas para evitar o crescimento bacteriano e a consequente re-infecção . Se o seu parceiro(a) também estiver infectado, recomenda-se que também siga o tratamento para evitar um novo contágio. Recomenda-se a abstinência sexual enquanto a doença permanecer activa.

Quem pode tomar?

A Azitromicina é o antibiótico mais indicado para o tratamento da clamídia e da uretrite, pelo que está indicada a pacientes com mais de 18 anos que apresentem sintomas ou tenham sido testados positivamente para esta doença. Porém, a pessoas com problemas renais e hepáticos graves, não se recomenda a Azitromicina, bem como a grávidas ou a mulheres a amamentar.

Durante a consulta médica, mencione quaisquer problemas de saúde de que sofra e/ou qualquer medicamento que esteja a tomar à data da consulta.

É também importante que informe o seu médico no caso de ter sofrido de problemas de fígado ou icterícia ao tomar Azitromicina ou Zithromax. Da mesma forma, não deve tomar Azitromicina se tiver alergia a antibióticos semelhantes como a eritromicina, a claritromicina e a telitromicina.

O que acontece se eu esquecer uma dose?


Tome a dose esquecida assim que se lembrar. Ignore a dose perdida se estiver quase na hora da próxima dose programada. Não tome um comprimido extra para compensar a dose perdida.

O que acontece se eu tomar uma dose elevada?


Procure atendimento médico de emergência ou ligue para o serviço de emergência imediatamente. Atente-se aos possíveis sintomas do medicamento, pois os mesmos podem ser mais intensos em casos de over-dasagem. 

O que devo evitar enquanto tomo azitromicina?


Não tome antiácidos que contenham alumínio ou magnésio dentro de 2 horas antes ou depois de tomar azitromicina. Isto inclui Acid Gone, Aldroxicon, Alternagel, Di-Gel, Gaviscon, Gelusil, Genaton, Maalox, Maldroxal, Leite de Magnésia, Mintox, Mylagen, Mylanta, Pepcid Complete, Rolaids, Rulox e outros. Estes antiácidos podem tornar a azitromicina menos eficaz quando tomado ao mesmo tempo.

Os medicamentos antibióticos podem causar diarréia, que pode ser um sinal de uma nova infecção. Se tiver diarreia que é aguada ou sangrenta, pare de tomar este medicamento e telefone para o seu médico. Não use medicamentos anti-diarréia a menos que seu médico lhe diga para o fazer.

Evite a exposição à luz solar ou camas de bronzeamento. Azitromicina pode causar queimaduras solares com mais facilidade. Use roupas protetoras e use protetor solar (FPS 30 ou mais) quando estiver ao ar livre.

Doses da Azitromicina

Não é possível incluir todas as dosagens e formas do fármaco aqui. A sua dosagem, a forma de utilização e a frequência com deve tomar o medicamento dependerão de:

  • Sua idade
  • A condição a ser tratada
  • Quão grave é a sua condição
  • Outras condições médicas que possui
  • Como reage à primeira dose

Forma e possíveis dosagens

Forma: comprimido oral

Possíveis dosagens: 250 mg, 500 mg, 600 mg

Para a bronquite

Dosagem de adultos (idades de 18 anos e mais velhos): A dosagem típica é de 500 mg uma vez por dia durante três dias. O seu médico também pode prescrever 500 mg tomado como uma dose única no dia 1, seguido de 250 mg uma vez por dia nos dias 2-5.

Para sinusite

Dosagem de adultos (idades de 18 anos e mais velhos): Dosagem típica é tomar 500 mg uma vez por dia durante três dias.

Dosagem infantil (idades entre 6 meses e 17 anos): A dosagem típica é de 10 mg / kg de peso corporal uma vez por dia durante três dias.

Dosagem infantil (idades 0-6 meses): Este medicamento não deve ser utilizado em crianças com menos de 6 meses de idade.

Para infecções da pele e da estrutura da pele

Dosagem de adultos (idades de 18 anos e mais velhos): O seu médico pode prescrever 500 mg tomados numa dose única no dia 1, seguido de 250 mg uma vez por dia nos dias 2-5.

Dosagem infantil (idades 0-6 meses): Este medicamento não deve ser utilizado em crianças com menos de 6 meses de idade.

Para uretrite e cervicite

Dosagem de adultos (idades de 18 anos e mais velhos): Se a sua infecção não é causada por gonorréia, normalmente tomará uma única dose de 1 mg. Se estiver tratando um sintoma de uma infecção por gonorréia, normalmente vai tomar uma única dose de 2 mg.

Dosagem infantil (idades 0-6 meses): Este medicamento não deve ser utilizado em crianças com menos de 6 meses de idade.

Para a úlcera genital

Dosagem de adultos (idades de 18 anos e mais velhos): O médico normalmente irá prescrever uma única dose de 1 mg.

Dosagem infantil (idades 0-6 meses): Este medicamento não deve ser utilizado em crianças com menos de 6 meses de idade.

Para infecção aguda do ouvido médio

Dosagem infantil (idades entre 6 meses e 17 anos): A dosagem típica é de 30 mg / kg de peso corporal tomado como uma dose única. O médico também pode prescrever 10 mg / kg de peso corporal no dia 1, seguido de 5 mg / kg por dia nos dias 2-5.

Dosagem infantil (idades 0-6 meses): Este medicamento não deve ser utilizado em crianças com menos de 6 meses de idade.

Para pneumonia adquirida

Dosagem de adultos (idades de 18 anos e mais velhos): O seu médico pode prescrever 500 mg numa dose única no dia 1, seguido por 250 mg uma vez por dia nos dias 2-5.

Dosagem infantil (idades 6 meses-17 anos): As crianças desta idade normalmente tomam 10 mg / kg de peso corporal numa dose única no dia 1. Em seguida, tomam 5 mg / kg uma vez por dia nos dias 2-5.

Dosagem infantil (idades 0-6 meses): Este medicamento não deve ser utilizado em crianças com menos de 6 meses de idade.

Para a doença do complexo mycobacterium avium

Dosagem de adultos (idades de 18 anos e mais velhos): Para o tratamento, a dosagem típica é de 600 mg uma vez por dia, tomado com o fármaco etambutol. Para a prevenção, a dosagem típica é de 1.200 mg uma vez por semana.

Dosagem infantil (idades 0-6 meses): Este medicamento não deve ser utilizado em crianças com menos de 6 meses de idade.

Para faringite ou amigdalite

Dosagem de adultos (idades de 18 anos e mais velhos): O seu médico pode prescrever 500 mg numa dose única no dia 1, seguido de 250 mg uma vez por dia nos dias 2-5.

Dosagem infantil (idades 2-17 anos): A dosagem típica é de 12 mg / kg de peso corporal uma vez por dia durante 5 dias.

Dosagem infantil (idades entre 0 e 2 anos): Este medicamento não deve ser utilizado para esta condição em crianças com menos de 2 anos de idade.

Informação importante:

Nosso objetivo é fornecer-lhe as informações mais relevantes e atuais. No entanto, como as drogas afectam cada pessoa de forma diferente, não podemos garantir que esta lista inclua todas as dosagens possíveis. Esta informação não substitui o aconselhamento médico. Fale sempre com o seu médico ou farmacêutico sobre as doses adequadas para si.

Efeitos colaterais da Azitromicina

Embora a Azitromicina se apresente como um medicamento bastante seguro, com a constatação de baixas taxas de efeitos colaterais em seus testes clínicos e de laboratório, o antibiótico pode provocar algumas reações no organismo, gerando alguns efeitos colaterais, como náuseas, vômito, cólicas e diarreia.

Efeitos colaterais
Diarréia ou fezes moles, Vômitos, Nervosismo,
Náusea, Prisão de ventre, Problemas de sono (insônia),
Dor abdominal, Tontura, Erupção cutânea ou coceira,
Transtorno de estômago, Cansaço, Soando nos ouvidos,
Prurido ou corrimento vaginal, Dor de cabeça, Problemas auditivos,

Esses efeitos podem ocorrer aproximadamente entre 5 e 10% dos pacientes que fazem uso da Azitromicina, havendo ainda problemas gastrointestinais, mais comuns, quando se administra doses maiores ou iguais a 1 g por dia.

A Azitromicina não é indicada para aplicação em pacientes com problemas hepáticos, principalmente em portadores de hepatite ou cirrose, já que se trata de uma droga que pode se tornar tóxica para o fígado.

Além disso, também não deve ser indicada para pacientes portadores de miastenia gravis.

O medicamento ainda não deve ser prescrito para pacientes que possuem histórico de reações alérgicas a antibióticos, bem como a pessoas com hipersensibilidade à Azitromicina, Eritromicina ou qualquer outro tipo de antibiótico do tipo macrolídeo.

Apresentando-se qualquer caso de alergia ao medicamento ou a algum dos componentes presentes em sua formulação, deve-se suspender imediatamente o uso e procurar ajuda médica.

Nos casos de gravidez ou de mulheres em fase de amamentação, embora não haja qualquer comprovação com relação ao risco de malformações no feto, a Azitromicina não é indicada.

Interações medicamentosas da Azitromicina

A medicina recomenda sempre cautela no uso de antibióticos, principalmente com relação à dose exata recomendada na prescrição e na possibilidade de interação medicamentosa com outros medicamentos que o paciente possa estar usando ao precisar do antibiótico.

Com a Azitromicina não é diferente. O antibiótico não é recomendado com o uso concomitante dos seguintes medicamentos, que já foram testados em laboratórios:

  • Amiodarona
  • Antiácidos
  • Ciclosporina
  • Tacrolimo
  • Digoxina
  • Magnésio
  • Nelfinavir
  • Fenitoína

Entre as interações medicamentosas, comprovou-se que, com antiácidos há a possibilidade de reduzir os picos de concentração do plasma da Azitromicina, no entanto sem alterar sua disponibilidade no organismo.

O uso concomitante com digoxina pode gerar o aumento nos níveis dessa droga no sangue, o que sugere evitar o uso de Azitromicina.

Caso haja necessidade de usar Azitromicina juntamente com Ciclosporina, a quantidade dessa última substância no sangue deve ser monitorada constantemente, devendo-se ajustar a dose de forma adequada.

Havendo necessidade de uso de Azitromicina juntamente com Carbamazepina, a situação anterior também pode ocorrer, o que exige monitoramento sanguíneo do paciente, além de adequação à dose desse medicamento.

Com Varfarina, a situação é idêntica, embora os dois medicamentos possam ser usados em conjunto, com a constante monitoração do nível de Varfarina na circulação sanguínea do paciente.

A Azitromicina não interfere e nem corta os efeitos de anticoncepcionais hormonais, seja na forma de pílula, de adesivo, injeção ou implante. A minipílula e a pílula do dia seguinte também podem ser tomadas normalmente com a Azitromicina, não sofrendo qualquer interferência.

Contraindicações da Azitromicina

O uso da Azitromicina é contraindicado para pessoas com histórico de reações alérgicas ou hipersensibilidade a qualquer antibiótico macrolídeo ou a qualquer componente de sua fórmula. As reações alérgicas podem se manifestar com angioedema, alergia parecida com a urticária, e anafilaxia, o popular choque anafilático, embora não tenham sido constatados casos fatais.

Algumas das reações alérgicas observadas com o uso da Azitromicina resultaram em sintomas recorrentes, exigindo maior período de observação e de tratamento.

Não há dados registrados do uso de Azitromicina em pacientes com insuficiência renal, exigindo-se cautela na hora de fazer uso do medicamento. Além disso, como o fígado é a principal via de excreção da Azitromicina do organismo, o medicamento deve ser usado com cautela por pacientes com qualquer tipo de disfunção renal.

A Azitromicina não é indicada também para pacientes portadores de miastenia gravis, doença neuromuscular de origem autoimune que, em sua forma mais comum, provoca variáveis graus de cansaço e fraqueza muscular.

Avisos da Azitromicina

Esta droga vem com avisos para certas pessoas.

  • Para pessoas com miastenia gravis: Este medicamento pode agravar os seus sintomas.
  • Para pessoas com historial de ritmo cardíaco anormal: Pergunte ao seu médico se esta droga é segura para si. Se você tem um intervalo QT prolongado, tomar este medicamento pode aumentar o risco de ter uma arritmia que pode ser fatal.
  • Para idosos: Os rins de adultos mais velhos podem não funcionar tão bem como costumavam. Isso pode fazer com que seu corpo processe as drogas mais lentamente. Como resultado, mais de um comprimido permanece em seu corpo por um longo tempo. Isso aumenta o risco de efeitos colaterais. Se tem mais de 65 anos, também pode ter um maior risco de desenvolver um problema de ritmo cardíaco chamado torsades de pointes ao tomar este medicamento.
  • Para crianças: Este medicamento não foi estudado em crianças com menos de 6 meses de idade. Não deve ser utilizado em crianças com menos de 6 meses de idade.

Gravidez e amamentação

A azitromicina é uma droga da categoria B. Isso significa duas coisas: Estudos da droga em animais não mostraram um risco para a gravidez, e não há estudos suficientes feitos em mulheres grávidas para mostrar se a droga representa um risco.

Fale com o seu médico se estiver grávida ou planeia engravidar. Este medicamento deve ser utilizado apenas se claramente necessário.

Fale também com o seu médico se estiver amamentando o seu filho. Azitromicina passa para o leite materno. Se tomar este medicamento, pode causar efeitos secundários no seu filho. Pode ser necessário decidir se deve parar de amamentar ou parar de tomar este medicamento.

Como sei se posso comprar Azitromicina na 121doc?

A Azitromicina só pode ser adquirida com uma prescrição médica, em todo o Brasil. Isso significa que só está disponível para pacientes que passam por uma avaliação médica e recebem o consentimento do mesmo para compra do medicamento. Na clínica 121doc dispomos de uma equipe médica qualificada que avalia o histórico de cada paciente de maneira individual, a fim de identificar se o mesmo pode ou não utilizar o medicamento que deseja comprar.

A condição médica tratada pela Azitromicina pode ter várias causas. Esta é uma das principais razões pela qual a avaliação médica antes da administração de qualquer medicamento é essencial. Somente um médico qualificado pode analisar o seu histórico detalhadamente para identificar se a medicação Azitromicina é apropriada para o seu caso.

Medicamento Embalagem Características

Azitromicina

  • Administração: Oral
  • Classe: Antibiótico
  • Aplicação: Pessoas com infeções bacterianas

Comprar Azitromicina agora

Antes de concluir a compra do medicamento Azitromicina na 121doc, o paciente precisará responder um breve questionário com informações sobre o seu histórico médico e estado atual de saúde, esse formulário será enviado para um dos nossos médicos, para que o mesmo possa detectar condições pré-existentes e possíveis riscos que o medicamento possa apresentar.

Após analise detalhada, o médico irá então decidir, normalmente dentro do mesmo dia, se o tratamento com Azitromicina é recomendado sem qualquer risco a saúde do paciente e se o mesmo oferecerá o efeito desejado.

Quais os métodos de pagamento disponíveis?

Comprando medicamentos online através da 121doc você pode fazer o pagamento da forma que escolher, seja através de cartões de débito ou de crédito, que precisam estar liberados para compra internacional (aceitamos os cartões Visa, Visa Electron e Mastercard) ou pode também pagar de boleto bancário do Banco do Brasil, emitido pelo nosso parceiro Astropay Brasil Ltda. Pode existir ligeira diferença no boleto pois o banco usa uma cotação diferente da moeda. Normalmente no boleto está mais baixo.

Como é enviada a medicação para o Brasil?

A nossa empresa faz parte de uma multinacional sediada em Londres que envia medicação para todo o mundo. Realizamos entrega em todo o Brasil desde 2003, a entrega é feita pelos Correios do Brasil e o prazo é de 7-10 dias úteis (média), não tem de pagar frete e é isento de imposto. Oferecemos rastreamento ponto-a-ponto. Para cidades no sul e sudeste, como Rio e São Paulo, o prazo de envio é geralmente mais curto, podendo muitas vezes ser entregue em uma semana ou menos. Já para cidades do norte e nordeste o prazo é de no máximo 10 dias úteis.

Entrega com máxima discrição

Na 121doc, prezamos pela proteção da sua privacidade, por isso o seu medicamento será enviado num pacote discreto e não faremos qualquer menção da nossa empresa, produto comprado ou detalhes sobre o serviço na descrição de cobrança.

Tenha em conta que o fabricante deste medicamento pode ser diferente do demonstrado na imagem acima, porém, os seus princípios, benefícios e possíveis efeitos secundários permanecem os mesmos.

Vou ter que pagar imposto ao receber a encomenda?

Segundo Lei Brasileira (Diário Oficial portaria 454/2015), a importação de medicamento por correio, para uso de pessoa física, acompanhada de receita médica é isenta de qualquer taxação. Fazemos envios há mais de 10 anos e a Anvisa já conhece a nossa empresa, nunca tivemos problemas em relação a taxação ou bloqueio de encomendas. Enviamos toda a documentação necessária (nota fiscal e receita) para a encomenda ser liberada tranquilamente e de forma isenta.

Trabalhamos com médicos e farmácia registrados na "Anvisa" daqui. Pode consultar no rodapé do site esta informação.

Fontes:

Seleccione
Medicamento
Preencha o formulário
O médico emite a sua prescrição
Entrega em 7-10 dias
Alternativas ao Azitromicina
  • Excelente
    4.7 / 5

    5.034 pacientes deram a sua opinião sobre o nosso serviço

  • Excelente   4.5 / 5

    11 pacientes deram a sua opinião sobre Azitromicina

  • Nossos pacientes adoram o nosso serviço
    • Atendimento ao paciente acessível para todos

      Serviço de atendimento ao paciente: Seg. - Sex. das 06:00h-17:00h (Horário de Brasília)
    • Todos os serviços estão incluídos no preço

      Consulta médica online, prescrição e entrega
    • Entrega expresso grátis

      Para todo o território Brasileiro via Correios