• Serviço privado e confidencial embalagem e pagamento discretos.
  • Medicamentos Originais como na sua farmácia local
  • Tudo incluído no preço consulta, entrega & receita médica
  • Entrega em 24 horas para pedidos feitos até às 16h30
Início / Obesidade / Corrida para perda de peso

Corrida para perda de peso

Escolher corrida para perda de peso é uma excelente opção, já que você pode se movimentar ao ar livre, sentir o vento no rosto, participar da paisagem que lhe rodeia, enfim, aproveitar melhor a atividade física para perder peso e também para se harmonizar com a natureza e consigo mesmo.

Encontre nesse artigo os impactos gerais da corrida no processo de perda de peso.

Corrida e o processo de emagrecimento: como funciona?

Qual é a melhor maneira de correr para perda de peso? Responder a esta pergunta é mais complicado do que se pensa. O número de calorias que você queima durante a execução é determinado por quantos quilômetros corre. Portanto, seria razoável pensar que a maneira mais efetiva de perder peso através corrida é correr muito. No entanto, quando você corre muito, seu corpo também quer comer muito para evitar fadiga ou lesão crônica, e comer muito não é propício à perda de peso.

Veja na tabela abaixo a estimativa de calorias queimadas por hora:

Atividades Estimativa de calorias queimadas por hora
Correndo devagar 700
Correndo rapidamente 850
Jogging 500

A solução é combinar seu déficit calórico com um programa de treinamento projetado para manter seu fogo metabólico queimando.

Antes de iniciar

A primeira coisa que deve fazer, ao escolher a corrida para perder peso, é procurar um médico, fazer os exames necessários, constatar que você está realmente em condições antes de começar a correr.

Os exames mais comuns são o teste ergométrico, o hemograma completo e o ecocardiograma, que informarão ao médico suas condições físicas, como está seu coração e seu organismo. Dependendo da necessidade, o médico poderá indicar outros exames.

O médico também poderá oferecer algumas condições para você usar a corrida para perda de peso. O primeiro ponto a notar é que você não deve ter pressa para emagrecer com a corrida.

Por exemplo, se você leva uma vida sedentária, não pode começar a correr sem controle, deve aprender a respeitar os próprios limites. No começo, intercale a corrida com uma caminhada ou com um trole mais leve, e sempre faça exercícios para fortalecer as articulações, preparando-se para a corrida.

Aos poucos você poderá ir ampliando o tempo dedicado à corrida e ao trajeto, utilizando o exercício como um meio de consumir as gorduras em excesso como fonte de energia.

Os benefícios de escolher a corrida para perda de peso

A corrida oferece inúmeros benefícios para o seu organismo além da perda de peso.

Para começar, tudo o que você precisa para correr é vontade, e pode fazer isso sozinho, em qualquer lugar que queira, sem precisar nada mais do que um par de tênis e uma roupa de treinamento.

A corrida é uma atividade que define o corpo, melhora as articulações, fortalece os músculos e, principalmente, ajuda a emagrecer. Com a corrida, você não precisa gastar dinheiro com academia e, mesmo se estiver viajando, como a uma praia, por exemplo, pode praticar seus exercícios sem qualquer barreira.

beneficios-da-corrida

Como definir os objetivos para perda de peso

Como primeira recomendação para definir os objetivos de perda de peso, você deve deixar de lado a balança, aprendendo a traçar metas para emagrecimento. Defina um objetivo inicial, como perder dois quilos por mês.

Você pode achar pouco, mas é preciso traçar metas que possa alcançar, fazendo um plano para chegar até lá. Não tenha um prazo pré-determinado para perder todo o peso que pretende.

Siga algumas regras básicas:

  • Mantenha-se fiel à sua meta;
  • Compartilhe sua meta com familiares e amigos para ter incentivos e, possivelmente, até participar junto com você da corrida;
  • Evite o sedentarismo, procure manter um estilo de vida ativo e saudável.

Para definir suas metas também é necessário que seja coerente com sua condição, ou seja, se estiver sedentário há muito tempo, vai levar pelo menos dois ou três meses para começar a perceber os resultados.

Assim, logo de cara, estabeleça objetivos que sejam viáveis para emagrecer e que possam trazer resultados. Assim que você perceber que está emagrecendo, a endorfina liberada em seu corpo vai lhe oferecer motivação ainda maior para buscar um novo objetivo.

Objetivos diários da corrida

Faça um cronograma de corridas diárias que você possa respeitar. Estabeleça um trajeto que possa percorrer e, aos poucos, vá aumentando. Se sentir que pode ir mais longe, não exagere: lembre-se que, se você não está acostumado a correr, quem vai sentir é o seu corpo, suas articulações e músculos.

Você deve estar preparado para correr todos os dias e não ficar parado em consequência das dores nas pernas e músculos. Com um bom planejamento, seu projeto de corrida para perda de peso será real e tangível e não apenas uma miragem.

O papel da dieta

Para perder peso não basta apenas correr. Você precisa comer menor quantidade de calorias do que consome todos os dias. Somente assim seu organismo vai procurar energia nas gorduras.

A dieta tem um papel fundamental na corrida para perda de peso: procure se alimentar regularmente, com alimentos saudáveis e não gordurosos, evite comidas industrializadas, doces, frituras e refrigerantes e, principalmente procure se manter hidratado para não correr qualquer risco.

Diferença entre corrida ao ar livre e corrida estacionária

Você pode escolher treinar ao ar livre ou na esteira, ou mesmo escolher as duas opções, intercalando entre elas.

O treino na esteira é mais interessante para quem está começando e levou uma vida sedentária, sendo também mais indicado para quem pretende perder peso. Para quem quer melhorar o desempenho e realmente se interessa pelo esporte, o melhor é treinar na rua ou nos parques.

Se você pretende as duas coisas, um tipo de corrida vai servir como complemento para o outro.

Vamos lembrar que, quando você pratica corrida na rua, você vai aprendendo a dosar o seu ritmo, melhorando sua percepção do ritmo da corrida, evitando oscilações bruscas, cronometrando melhor o seu tempo e suas passadas.

tipos-de-corrida

Veja abaixo a comparação entre corrido comum e corrida em nível avançado:

Também é importante notar que a corrida na rua é geralmente feita em asfalto ou piso de concreto, como nas calçadas dos parques, e é preciso se acostumar com esse tipo de chão. Você vai precisar adaptar os seus músculos, ligamentos, articulações e tendões, que vão sofrer mais na rua do que na esteira.

Na rua, o impacto das passadas é bem maior e, se você estiver treinando em esteira, logo vai perceber a diferença, precisando tomar mais cuidado para não sofrer com lesões.

Esteira

A corrida na esteira apresenta algumas vantagens, como o amortecimento do impacto das passadas, menores possibilidades de acidentes, mais comodidade para sua corrida e, se você estiver treinando numa academia, ainda vai ter o acompanhamento de um treinador.

Outra das vantagens da corrida em esteira é o controle da velocidade, ou seja, você sempre está sabendo que está correndo num ritmo determinado, impedindo de criar oscilações durante o treino.

Você também pode se ver correndo, se a esteira estiver em frente a um espelho e, assim, você tem mais condições de corrigir a movimentação dos braços, das pernas e de todos os seus movimentos.

Vamos ainda comentar o fato de que, na academia, você não vai sentir frio ou não vai ter dias de chuva em que está impedido de correr.

A esteira também é um elemento útil para pessoas mais atarefadas, que não possuem tempo para ficar se preparando para correr pela manhã ou à tarde. Em qualquer horário você pode se dedicar à corrida.

Por fim, a esteira ainda lhe oferece um bom sistema de amortecimento, evitando lesões que podem ocorrer quando você está na corrida no asfalto.

Ar livre

A corrida ao ar livre é bem mais simples e mais prática, dando chances de aplicar uma dinâmica maior à corrida do que na esteira. Na corrida na rua você não terá monotonia e, além disso, a esteira ainda tem a limitação de inclinação de subidas e descidas, exigindo menos esforço de seu organismo.

Se você está na corrida na rua, vai sentir o vento no rosto e a resistência do ar, e isso vai impulsionar ainda mais seus esforços para atingir seus objetivos. Além disso, você terá a natureza mais próxima, podendo correr num parque arborizado, às margens de um rio, em locais que você só pode imaginar se estiver dentro da academia.

Para a corrida para perda de peso, portanto, você tem as duas opções. Se estiver disposto a correr, pode optar pelas duas, fazendo treinos com intervalos, um dia na esteira e um dia ao ar livre. Com o tempo, com certeza você vai escolher o melhor método.

Comparação geral entre a esteira e corrida ao ar livre:

Veja na ilustração abaixo os principais pontos a considerar referente a corrida na esteira e corrida ao ar livre:

ESTEIRA VS CORRIDA AO AR LIVRE

O que considerar ao escolher a corrida para perda de peso?

A corrida não é apenas um exercício que pode ser usado para perda de peso. Existem muitos outros benefícios que devem ser considerados. Entre eles, vamos destacar os principais:

Prevenção de doenças cardiovasculares

A corrida, praticada de forma regular, melhora o funcionamento do coração e ajuda na redução da pressão arterial, além de também reduzir o colesterol ruim e aumentar o nível de bom colesterol.

Os ossos ficam mais fortes e saudáveis

Com os ossos mais fortes e saudáveis você não vai correr o risco de desenvolver osteoporose na terceira idade, principalmente se for do sexo feminino. Correndo, você ajuda seu organismo a manter a densidade dos ossos.

A corrida melhora a capacidade de concentração e da memória

Com a corrida para perda de peso você vai ter maior capacidade de memória e de concentração.

Proteção das vias aéreas

Pessoas que praticam corrida sofrem menos com resfriados, gripes e infecções das vias aéreas.

Redução dos riscos de morte precoce

Quem costuma correr regularmente sofre menos com problemas de hipertensão arterial, diabetes e outras doenças, prevenindo infarto do miocárdio, AVC e diversos tipos de câncer.

Redução do estresse

A corrida ajuda a produzir neurotransmissores que regulam o estresse do corpo, melhorando sua capacidade em lidar com as tensões do dia a dia.

A corrida alivia a ansiedade e a depressão

Além da melhor produção de neurotransmissores para cuidar do estresse, a corrida ajuda na produção de dopamina e de endorfina, os hormônios que trazem a sensação de bem-estar, tranquilidade e felicidade, reduzindo sintomas de ansiedade e depressão.

Corrida aumenta a autoestima

Regulando seus níveis hormonais com a corrida, naturalmente você vai sentir um aumento na autoestima, ficando com a percepção mais positiva, passando a se valorizar ainda mais.

A corrida melhora os relacionamentos sociais e profissionais

Como consequência de todos os itens anteriores, com autoestima mais elevada, você vai se relacionar melhor com todas as pessoas, seja no ambiente de trabalho, na família ou em meios sociais.

A corrida previne os riscos de demência

Um dos maiores problemas enfrentados por grande parte de pessoas na velhice é o mal de Alzheimer. Com a corrida, você estimula todas as regiões do seu cérebro, aumentando a produção de células do hipocampo, que são responsáveis pela aprendizagem e pela memória, e prevenindo o desenvolvimento da demência.

Fontes:

O que há nesta página?
Aprenda mais sobre perda de peso
Seleccione
Medicamento
Preencha o formulário
O médico emite a sua prescrição
Entrega em 24h