(+351) 308 804 997
(+55) 11 49 33 77 11
Equipa de suporte ao paciente: Seg. à Sex. das 09h às 18h
  • Serviço privado e confidencial Embalagem discreta e pagamento confidencial
  • Apenas medicamentos originais Medicamentos enviados da nossa farmácia registada no Reino Unido
  • Tudo incluído no preçoConsulta médica, prescrição e entrega em 24h
  • Entrega em 24 horas

Micoses

Tratamento das Infeções Fúngicas da Pele

As micoses cutâneas são infecções fúngicas da pele caracterizadas pela presença de fungos patogénicos. Estes microrganismos infectam a pele quando as defesas do organismo estão enfraquecidas, levando ao aparecimento de micoses da pele ou cutâneas.

Estas infecções fúngicas são geralmente superficiais e tendem a afectar a pele, o cabelo e as unhas. As micoses cutâneas mais comuns são causadas por fungos dermatófitos e leveduras. As infecções fúngicas causadas por dermatófitos (tinea) constituem cerca de 40-50% de todas as infecções fúngicas da pele. Outras infecções podem ser causadas pelo fungo Candida ou pelo Malassezia (também conhecido como Pityrosporum).

Para o tratamento das infecções fúngicas da pele é necessário o uso de antifúngicos tópicos ou orais. A escolha e a duração do tratamento depende do tipo de fungo responsável pela infecção.

Medicamentos como o Sporanox à base de itraconazol ou como o Diflucan (fluconazol), estão entre os mais utilizados para o tratamento da pitiríase versicolor. Para o tratamento das micoses por tinea está geralmente indicado o Lamisil em comprimidos ou em creme. O Locetar (amorolfina) está indicado para tratar a onicomicose.

Você sabia que...

Nós já tratamos mais de

1069618 pacientes

desde 2004?

Orgulhamo-nos muito dos comentários deixados por eles...

Já realizou uma compra conosco antes?

Faça o login para realizar um novo pedido

Condições disponíveis

Tinea

Tinea ou Tinha é o nome vulgarmente utilizado para designar as infecções fúngicas causadas por dermatófitos. Esta infecção afecta as camadas mais superficiais da epiderme e é muito comum e contagiosa.

Esta...

Leia mais

Nossos Serviços

  • Em estoque, enviaremos hoje
  • Entrega em 24 horas
  • Prescrição online - Não é necessário consulta presencial
Ver tratamentos

Pitiríase Versicolor

A pitiríase versicolor também conhecida como tinea versicolor é uma infecção fúngica comum na pele (cerca de 1 em cada 20 infecções fúngicas). Não é contagiosa e não põe em risco a saúde. Para...

Leia mais

Nossos Serviços

  • Em estoque, enviaremos hoje
  • Entrega em 24 horas
  • Prescrição online - Não é necessário consulta presencial
Ver tratamentos

Onicomicose

A onicomicose é uma infecção das unhas comum, causada por um fungo que se alimenta de queratina. O local onde mais ocorre a onicomicose é na unha do polegar, estando presente em 80% dos casos. Outros factores de risco para as infecção...

Leia mais

Nossos Serviços

  • Em estoque, enviaremos hoje
  • Entrega em 24 horas
  • Prescrição online - Não é necessário consulta presencial
Ver tratamentos

Como se transmitem as micoses cutâneas?

O estilo de vida desempenha um papel importante na propagação das micoses cutâneas. A frequência de ambientes lotados e com áreas quentes e húmidas como as piscinas, os ginásio e as saunas, a má-nutrição, má-higiene e o stress, são factores que aumentam o risco de contrair uma infecção fúngica. Estas infecções também são facilitadas pela presença de lesões, sudorese excessiva, humidade da pele e o uso excessivo de produtos detergentes. Na maioria dos casos, a infecção fúngica é contraída pelo contacto com o ambiente, pessoas ou animais infectados, sendo o Verão a altura do ano mais propensa às infecções fúngicas, devido ao clima quente e húmido e consequentemente a uma maior exposição do corpo e aumento da transpiração.

Sintomas das micoses

Os sintomas das micoses cutâneas variam de acordo com a área afectada e com o fungo responsável pela infecção. Alguns dos sintomas mais comuns são vermelhidão e/ou inchaço da pele, manchas vermelhas, brancas ou cor-de-rosa, geralmente de forma circular, bolhas, crostas e lesões. A pele pode apresentar-se macerada e descamada, sendo a comichão um sintoma comum. Se a zona afectada inclui o couro cabeludo e as unhas, pode ocorrer perda de cabelo, alterações da textura e da cor das unhas.

Tratamento das micoses

O tipo e a duração do tratamento das micoses cutâneas varia de acordo com o local de infecção e com o agente responsável. Os medicamentos disponíveis para tratar as infecções fúngicas podem consistir em antifúngicos de uso tópico como pomadas, cremes, géis e sprays ou antifúngicos de administração oral. O tratamento das infecções fúngicas deve ser seguido de perto e requere paciência, uma vez que muitas vezes as micoses demoram a desaparecer.

Seleccione
Medicamento
Preencha o formulário
O médico emite a sua prescrição
Entrega em 24h