Falar no Chat (+351) 308 804 997
(+55) 11 49 33 77 11
Equipa de suporte ao paciente: Seg. à Sex. das 09h às 18h
  • Serviço privado e confidencial Embalagem discreta e pagamento confidencial
  • Apenas medicamentos originais Medicamentos enviados da nossa farmácia registada no Reino Unido
  • Tudo incluído no preçoConsulta médica, prescrição e entrega em 24h
  • Entrega em 24 horas

Viagra genérico: Quais as diferenças para o original da Pfizer?

Um medicamento genérico é um produto que contém os mesmos ingredientes farmacêuticos ativos do fármaco original ou de referência. Este tipo de medicamentos caracteriza-se também de acordo com o seu efeito terapêutico, que deve ser similar ao produto do fabricante inicial. Assim quando se fala em Viagra genérico está a fazer-se menção a um medicamento que não é produzido pela empresa farmacêutica que deu origem ao seu nome comercial, mas que também é usado no tratamento da impotência e que atua como o Viagra em relação à disfunção eréctil.

Os médicos e farmacêuticos consideram genéricos, apenas os fármacos cujo efeito foi demonstrado através de estudos de bioequivalência, ou seja, o paciente pode absorver os ingredientes ativos do genérico e do original comparativamente bem e, portanto, ambas os medicamentos são terapeuticamente equivalentes.

Genéricos são ilegais?

Os medicamentos genéricos como o Sildenafil (Viagra genérico) não são ilegais e a sua venda está prevista na lei, de acordo com a diretivas relativas a expiração de patente.

Contudo, a situação é diferente com os medicamentos são oferecidos no comércio de Internet, cujas fontes e origem são, na sua grande maioria, desconhecidas e, definitivamente, não controladas.

Nestes casos, pode encontrar-se acesso a muita medicação ilegal, sem qualquer verificação por parte das entidades competentes e que se pode tornar potencialmente perigoso para os pacientes que arriscam a sua compra e administração.

Sildenafil

O comércio parcialmente descontrolado de medicamentos na Internet é uma problemática em aspectos diversos e, no que diz respeito às imitações de Viagra, os riscos e consequências podem tomar proporções incomensuráveis. Este tipo de produto não regulamentado pode, por exemplo, conter o ingrediente activo numa dosagem errada, e isso pode conduzir a problemas de saúde por sub-dosagem ou sobre-dosagem, após a ingestão. Além disso, outros ingredientes podem ser usados e nestas situações, os pacientes ficam expostos às reações adversas de um medicamento diferente daquele que julgam estar a consumir.

Outros fármacos apresentados como Viagra genérico, não contém o ingrediente ativo ou possuem, na sua composição, substâncias nocivas ao organismo em proporções que podem variar de indivíduo para indivíduo.

Sildenafil: primeiro disponível como Viagra, agora como genérico

O ingrediente activo do Viagra, que possui a melhor acção para o tratamento da disfunção eréctil ou impotência, é o Sildenafil. Este ingrediente é usado na Viagra genérico e a igualdade da referida substância activa é assegurada, tendo o mesmo efeito terapêutico quando comparado com o fármaco original. Neste contexto, falamos de um medicamento bioequivalente ao medicamento de referência Viagra.

A preparação de Viagra genérico está sujeita a regras claras legais que são regidas pela Lei de Medicamentos. Quando um fabricante se dispõe a fabricar um medicamento genérico, é fundamental que ele respeite a prescrição da respectiva patente.

Qual a importância das patentes?

Ao registar uma patente, um fabricante de um novo medicamento deve respeitar os dados e exclusividade do mercado. Na sua essência, a lei diz que só o titular de patente tem o direito de produzir o medicamento com o princípio ativo patenteado e distribui-lo.

Estes direitos exclusivos do fabricante, a partir da data da autorização oficial da patente concedida por autoridade competente, tem uma duração de 10 anos. Findo este período, o produto sempre será referido como original, mas os seus concorrentes podem fabricar fármacos genéricos e comercializá-los.

No caso do Viagra, os direitos de patente do fabricante original (Pfizer) cessaram em 2013 e com a patente expirada, novas alternativas invadiram o mercado com vários laboratórios a produzir agora o medicamento de forma legal.

Quais as diferenças entre Viagra e o Sildenafil?

Os legisladores promovem a igualdade de fármacos relativamente ao medicamento original, de diversas maneiras. De acordo com a Lei de Medicamentos, existe uma exigência que obriga o fabricante do medicamento original a publicar completamente a sua investigação, após o fim da proteção da patente. Desta forma, todos os estudos se tornam públicos e os fabricantes de medicamentos genéricos, incluindo Viagra, têm acesso a informação válida e que permitirá o fabrico de genéricos de qualidade.

Viagra Pfizer

Além disso, o Viagra genérico terá que apresentar um grau de segurança para utilização igual medicamento de referência. No entanto, os fabricante das versões genéricas não são obrigados a conduzir estudos clínicos e toxicológicos, uma vez que o efeito e segurança do medicamento foi suficientemente fornecido pelo desenvolvedor ou fabricante do medicamento original, através de estudos adequados.

De acordo com as normas legais, o Viagra genérico contém os mesmos ingredientes ativos que o Viagra do fornecedor original, seguindo exatamente a mesma receita. Assim sendo é obrigatória a consulta médica e emissão de prescrição para que o Viagra genérico possa ser adquirido.

Para além do nome, o Sildenafil e o Viagra podem diferir na aparência, cor, formato dos comprimidos e até nas inscrições na caixa e/ou comprimidos.

Quais os genéricos de Viagra disponíveis em Portugal?

Todos os genéricos existentes em Portugal, contendo sildenafil, encontram-se na lista abaixo.

Produto Fabricante Doses Tamanho Caixa Informação sobre Fabricante
Sildenafil Actavis (Islândia) 25mg, 50mg & 100mg 4-8 comprimidos Farmacêutica que comercializa globalmente e que foi recentemente absorvida pela TEVA
Sildenafil toLife 25mg, 50mg & 100mg 4 - 12 comprimidos Farmacêutica portuguesa com origem em 2003 e que apenas comercializa genéricos
Sildenafil Baldacci 50mg & 100mg 4 - 12 comprimidos Uma das mais importantes farmacêuticas Italianas
Sildenafil Sandoz 25mg, 50mg & 100mg 4 -8 Comprimidos Sandoz é uma dos líderes mundias do fabrico de genéricos e uma subsidiária da Novartis
Sildenafil Pfizer 25mg, 50mg & 100mg 4 - 64 Comprimidos Em 2013, a patente do Viagra Pfeizer acabou
Sildenafil Teva 25mg, 50mg & 100mg 4 - 8 Comprimidos TEVA é uma farmacêutica com várias sedes sendo a europeia na Holanda e a sede em Israel
Blugral Germed 25mg, 50mg & 100mg 2- 4 Comprimidos Farmacêutica Brasileira criada em 2002. Pertence ao grupo EMS
Sildenafil Ratiopharm 25mg, 50mg & 100mg 4 - 8 Comprimidos Farmacêutica especialista na comercialização de genéricos
Sildenafil Bluepharma 25mg, 50mg & 100mg 1 - 8 Comprimidos Farmacêutica Portuguesa com sede em Coimbra
Sildenafil Generis 25mg, 50mg & 100mg 4 -8 Comprimidos Farmacêutica Portuguesa, líder de mercado do que diz respeito a genéricos

Existem outros laboratórios que comercializam Sildenafil em Portugal, entre os quais: Alter, Aurobindo, Azevedos, Bluefish, Ciclum, Cinfa, Farmoz, Jaba, Krka, Labesfal, Mylan, Pentafarma, Pharmakern, Sidefarma, Zentiva

Aumento da concorrência com genérico do Viagra

Com o fim do prazo permitido por lei (patente do Viagra), para que outros fabricantes pudessem comercializar Viagra genérico a quantidade de concorrentes aumentou drasticamente.

Este aumento da concorrência entre fabricantes é, quase sempre, um impulso adicional para o declínio dos preços do Sildenafil genérico. Os Viagra genéricos são, portanto, comercializados a um custo inferior e o medicamento de referência também. Uma vantagem médica resultante da enorme variedade disponível no mercado, por exemplo, é uma maior disponibilidade de formulações que podem se adaptar melhor às necessidades de cada paciente.

Desta forma estão disponíveis genéricos do Viagra na forma de comprimidos orodispersíveis, que apesar do mesmo efeito, são mais fáceis de usar. Em alguns casos, foi registada melhor tolerabilidade individual ao Sildenafil, devido à diferença de excipientes em relação ao medicamento original.

Esta constitui, de fato, uma grande vantagem de existirem vários fabricantes do mesmo produto farmacêutico: algumas propriedades variam de marca para marca e tendo, sempre por base o mesmo ingrediente ativo, é possível adaptar o tratamento às singularidades de cada paciente.

Fontes:

  1. Sildenafil e 24 nomes de medicamentos , Infarmed Portugal - URL: Infarmed.pt
  2. Medicamentos Genéricos, Infarmed Portugal - URL: Infarmed.pt
  3. Perguntas Frequentes - Profissionais de Saúde , Anvisa Brasil - URL: anvisa.gov.br

Publicado em 27 de Outubro de 2016

Seleccione
Medicamento
Preencha o formulário
O médico emite a sua prescrição
Entrega em 24h