Falar no Chat (+351) 308 804 997
(+55) 11 49 33 77 11
Equipa de suporte ao paciente: Seg. à Sex. das 09h às 18h
  • Serviço privado e confidencial Embalagem discreta e pagamento confidencial
  • Apenas medicamentos originais Medicamentos enviados da nossa farmácia registada no Reino Unido
  • Tudo incluído no preçoConsulta médica, prescrição e entrega em 24h
  • Entrega em 24 horas

Como funciona o Cialis?

O Cialis é um medicamento da farmacêutica Eli Lilly, muito popular, que surgiu algum tempo depois do Viagra pretendendo de algum modo substitui-lo.

A substância ativa do Cialis é o Tadalafil, descoberta depois do sildenafil presente no Viagra, e pretende ser um ingrediente com menos efeitos secundários e eficaz no tratamento da Disfunção Erétil e da Hiperplasia Benigna da Próstata(HBP).

Aplicações do Cialis. Para que é recomendado?

O Cialis é um medicamento que faz parte do grupo farmacológico dos inibidores da fosfodiesterase tipo 5, e está indicado no tratamento da Disfunção Erétil e da Hiperplasia Benigna da Próstata(HBP), na medida em que o Tadalafil inibe esta enzima.Este fármaco tem sido eficaz para a maior parte dos homens que sofrem de Disfunção Erétil, tendo conseguido manter uma ereção suficiente para ter relações sexuais satisfatórias.

Cialis e Hiperplasia Benigna da Próstata (HBP)

A Hiperplasia Benigna da Próstata é uma condição clínica em que a próstata aumenta de volume. Tratando-se de uma condição benigna não traz complicações graves para a saúde, no entanto, causa sintomas associados ao trato urinário: necessidade de urinar frequentemente, não conseguir urinar completamente, levantar-se à noite para ir urinar, etc.

Estes sintomas a médio prazo podem causar complicações, e é por isso importante que a HBP seja tratada. O não tratamento da HBP pode causar problemas de intoxicações orgânicas e infeções urinárias graves devido ao facto de não se conseguir o esvaziamento completo da bexiga.

O Cialis, devido à sua capacidade de inibição da fosfodiesterase 5, permite tratar a HBP.

Modo de acção e funcionamento do Cialis

A phosfodiesterase tipo 5 (PDE-5) é uma enzima presente no corpo do pénis que, tendencialmente com o passar dos anos, obsta ao processo da ereção.

O Tadalafil, ingrediente ativo do Cialis, é considerado um inidor da PDE-5 inibindo esta enzima e auxiliando a síntese de GMPc – monofosfato cíclico de guanosina:

  • quando é gerado um estímulo sexual é libertado óxido nítrico no corpo do pénis – esta libertação é provocada pela líbido
  • o óxido nítrico vai então ligar-se a uma outra enzima produzindo monofosfato cíclico de guanosina – composto fudamental para o relaxamento, vasodilatação e irrigação do pénis que vão então permitir o estado de rigidez característico da ereção
  • A fosfodiesterase tipo 5 é uma enzima que está presente nas paredes internas do pénis e que degrada os níveis de GMPc não permindo a ereção
  • O Cialis inibe ou bloqueia a atuação da fosfodiesterase tipo 5, o que vai permitir que o processo da ereção decorra com normalidade

AÇÃO DO CIALIS

A atuação do Cialis depende então da ocorrência de um estímulo sexual, o que está naturalmente ligado à líbido. A líbido é um fenómeno físico e psicológico, intimamente ligado com o sistema nervoso central e com o sistema endócrino.

Para potenciar a líbido é recomendado um estilo de vida saudável com prática de exercício físico regular. Para auxiliar a atuação do Cialis sugere-se que seja tomado numa altura de relaxamento. Não é contraindicado o consumo de álcool aquando da toma do Cialis, desde que seja moderado.

Certos medicamentos podem influenciar negativamente o Tadalafil: antibióticos, antidepressivos, estatinas utilizadas para o colesterol alto, amiodarona e medicamentos utilizados para condições cardíacas. Nestes casos, não é recomendada a toma de Cialis visto que os seus ingredientes ativos degradam o Tadalafil.

Substâncias naturais como o ginseng, gingko-biloba e a valeriana também não são recomendadas com a toma do Cialis.

Como com qualquer medicamento existem efeitos secundários com Cialis, sendo os mais comuns: congestão nasal, rubor facial, dor de cabeça, dor nas costas e refluxo gastroesofágico. No entanto, conforme já indicado anteriormente o Tadalafil regista menos efeitos secundários que o Sildenafil presente no Viagra.

Pode não funcionar?

O Cialis não provoca diretamente a ereção e, sob este ponto de vista, outros fatores têm de ser considerados no caso de o fármaco não ser eficaz.

Em primeiro lugar, a questão da líbido e da capacidade de provocar a libertação de óxido nítrico pode ser afetada por fatores como stress psicológico e condições do for neurológico ou psiquiátrico. Por outro lado, as circunstâncias de toma também podem influenciar, pelo que é necessário experimentar mais do que uma vez para ter a certeza sobre a sua eficácia.

Se de facto se verificar que não resulta num determinado caso específico, um médico poderá ajudar a encontrar um tratamento alternativo.

Dosagem do Cialis

O Cialis deve ser tomado conforme indicação do médico, no entanto, dependendo da atividade sexual esperada pode-se definir a posologia.

A forma farmacêutica do Cialis é comprimidos de 2,5mg, 5 mg (Cialis Diário), 10 mg e 20 mg (Cialis). Quando se inicia o tratamento é, por norma, recomendada a dose mais baixa e, depois, em caso de necessidade aumenta-se a dose.

  • Toma pontual (Disfunção Erétil): 10 mg ou 20 mg antes da atividade sexual, sendo tomada no máximo uma vez por dia;
  • Toma diária (Disfunção Erétil): 2,5 mg a 5 mg uma vez por dia. Esta toma é mais indicada quando se prevê uma toma frequente (pelo menos duas vezes por semana);
  • Toma diária (Hiperplasia Benigna da Próstata): 5 mg uma vez por dia, adequado a uma terapia de médio a longo prazo.

De salientar que o Cialis não deve ser usado por homens a quem a atividade sexual é desaconselhada por condições cardíacas. O Cialis é contraindicado em pacientes que tomam os seguintes medicamentos ou têm as seguintes condições: nitratos, riociguat, doentes com condições de hipertensão arterial e doentes com perda de visão provocada por neuropatia isquémica ótica não arterítica anterior.

Fontes:

  1. CIALIS 5 mg comprimidos revestidos por película - URL: Diagnosia
  2. Cialis - Tadalafil - URL: European Medicines Agency (EMA

Atualizado em 19 de Setembro de 2016

Seleccione
Medicamento
Preencha o formulário
O médico emite a sua prescrição
Entrega em 24h