Telefone Falar no Chat
Equipe de suporte ao paciente disponível: Seg. à Sex. das 08:00h às 17:00h
  • Serviço privado e confidencialEmbalagem discreta e pagamento confidencial.
  • Medicamentos Originais da nossa farmácia sediada no Reino Unido
  • Serviço incluído no preço e parcelamento Consulta, prescrição e entrega no país todo
  • Entrega expresso para qualquer local de residência.
Início / Guia de tratamentos para a obesidade

Guia de tratamentos para a obesidade

Guia de tratamentos para a obesidade

A obesidade é um sério fator de risco para inúmeras doenças. Manter um peso adequado, acompanhando o IMC – Índice de Massa Corporal, é importante para garantir boa saúde e melhores condições de vida.

Se você está com sobrepeso ou se já apresenta condições que são características da obesidade, é necessário buscar um tratamento e começar a perder peso.

Aqui, vai conhecer todos os tratamentos para a obesidade, com seus prós e contras, podendo ter uma ideia melhor sobre qual será sua escolha para voltar ao peso normal.

Dietas para a obesidade

A redução de ingestão de calorias e a prática de uma alimentação equilibrada são essenciais para o tratamento da obesidade. Embora possa querer perder peso rapidamente e conseguir isso no início do tratamento, a melhor forma é perder peso de maneira lenta e constante, em longo prazo, sendo esta também a forma mais segura de garantir a manutenção do peso obtido.

Se precisa emagrecer, é necessário evitar mudanças drásticas nas dietas, principalmente dietas de choque, como é bastante improvável que elas proporcionem resultados a longo prazo.

O ideal é fazer um planejamento, adotando um programa abrangente de perda de peso por pelo menos 6 meses, com uma fase de manutenção por pelo menos um ano, aumentando assim suas possibilidades de sucesso com o tratamento. É preciso atenção com dietas, já que não existe fórmula secreta. Você precisa escolher uma dieta alimentar que contenha alimentos saudáveis, que irão funcionar para o seu caso.

Exercicíos para o tratamento da obesidade

A prática de exercícios físicos é essencial para o tratamento de obesidade. A maior parte das pessoas que é capaz de manter um tratamento por mais de um ano costuma se exercitar regularmente, mesmo que seja com uma simples caminhada.

Pessoas obesas precisam de pelo menos duas horas e meia de atividade física por semana, com intensidade moderada, para evitar ganhar mais peso e para manter a perda de uma modesta quantidade de gordura.

Para ter uma perda de peso mais significativa, é preciso pelo menos 5 horas de atividades físicas semanais, podendo aumentar gradualmente o tempo e a intensidade, à medida que melhora a resistência física.

Mesmo com as atividades físicas regulares, qualquer atividade extra também ajuda a queimar calorias. Assim, fazer mudanças simples durante o dia pode oferecer grandes benefícios, como subir escadas em vez de usar o elevador, descer dois pontos antes do destino no trajeto para o trabalho ou deixar o carro na garagem de vez em quando e caminhar.

Mudança de comportamento no tratamento da obesidade

Suporte para mudança de comportamento pode incluir:

Terapia - O aconselhamento e terapias com intervenções de profissionais bem treinados podem ajudar a resolver problemas comportamentais e emocionais ligados à alimentação. A terapia também pode ajudar a entender porque você come demais, aprendendo formas saudáveis e trabalhando a ansiedade.

A terapia pode ser feita de forma individual ou em grupo, havendo, inclusive, grupos intensivos, que incluem 12 a 26 sessões por ano, que são bastante úteis para ajudar no tratamento para a obesidade.

Grupos de apoio - Você também pode participar de grupos de apoio, onde outras pessoas obesas compartilham desafios semelhantes. Verifique em sua cidade programas de perda de peso para grupos de apoio, como, por exemplo, os Vigilantes do Peso.

Medicamento de prescrição para a obesidade

Em algumas situações, é preciso usar medicamentos prescritos pelo médico para ajudar no tratamento para a obesidade. Contudo, é preciso manter as mudanças na dieta e no comportamento, não apenas usar medicamentos. Se não fizer mudanças em sua vida, é pouco provável que consiga perder peso.

Para prescrever o medicamento adequado, o médico vai considerar seu histórico de saúde, além do índice de massa corporal e estilo de vida.

Você vai precisar de acompanhamento médico enquanto estiver usando qualquer medicamento para perda de peso. Também é preciso ter em mente que um tipo de medicamento pode não funcionar para todas as pessoas e que seus efeitos podem ser reduzidos com o tempo. Quando parar de tomar um medicamento, você pode recuperar muito ou todo o peso que tenha perdido.

Cirurgia para o tratamento da obesidade

Existem casos em que a cirurgia é a única opção, principalmente quando a pessoa apresenta problemas hormonais. A cirurgia de perda de peso limita a quantidade de alimentos que pode comer, reduzindo a absorção de alimentos e de calorias. Contudo, a cirurgia bariátrica, por exemplo, pode representar sérios riscos para a saúde.

A cirurgia pode ser levada em consideração se você já tentou outros métodos para emagrecer que não tenham funcionado, além de apresentar

Também é necessário fazer algumas mudanças no estilo de vida para que a cirurgia funcione. A cirurgia não garante que vai perder todo o excesso de peso ou que irá manter o mesmo peso em longo prazo.

O sucesso da cirurgia vai depender do seu compromisso, fazendo mudanças ao longo de sua via nos hábitos alimentares e nos exercícios físicos.

Qual é o objetivo de tratamentos para a obesidade?

O principal objetivo para o tratamento da obesidade é manter um peso saudável, garantindo boas condições físicas e orgânicas. Para fazer o tratamento adequado, é necessário procurar a ajuda de profissionais de saúde, como um nutricionista, um conselheiro de comportamento ou um especialista em obesidade, para ajudar a entender o problema e promover as alterações em seus hábitos alimentares e para a prática de atividades físicas.

O objetivo inicial do tratamento para obesidade é perder entre 3 a 5% do peso total, ou seja, para uma pessoa que pesa 120 quilos, sendo obesa de acordo com os padrões do IMC, é necessário perder entre 3,6 e 6 quilos para que sua saúde tenha alguma melhora. Contudo, quando mais se aproximar do peso ideal, maiores serão os benefícios.

Qualquer tratamento para obesidade exige mudanças nos hábitos alimentares, com aumento de atividade física. O método de tratamento adequado vai depender do nível de obesidade, da saúde geral da pessoa e, principalmente, da vontade de seguir em frente com o projeto de perda de peso.

O tratamento para obesidade pode incluir ainda medicamentos para perda de peso com prescrição médica ou, em último caso, cirurgia bariátrica.

Como identificar o tratamento certo para o seu caso

O seu médico poderá ajudar a identificar o tratamento certo para o seu caso. Em todos os casos, no entanto, é preciso manter a dieta equilibrada, os exercícios físicos e, em alguns casos, uma medicação específica.

O médico pode recomendar a melhor medicação para perda de peso, quando outros métodos não estiverem funcionando, desde que você atenda a alguns critérios, como, entre outros:

  • Índice de Massa Corporal igual ou superior a 30;
  • IMC maior que 27, além de complicações médicas de obesidade, como hipertensão, diabetes ou apneia do sono.

Prevenindo a recuperação do peso depois do tratamento para obesidade

Para muitas pessoas é comum recuperar o peso, independentemente do tratamento para obesidade que tenha sido aplicado. Quando uma pessoa toma medicamentos para emagrecer, provavelmente vai recuperar o peso ao parar de tomar o remédio.

Até mesmo depois de uma cirurgia de perda de peso é possível engordar novamente, se a pessoa continua a comer ou quando aumenta o teor calórico da alimentação. Contudo, isso não significa que os esforços para perder peso são inúteis.

Uma das melhores formas de evitar a obesidade novamente é manter atividades físicas regulares, com pelo menos uma hora por dia. Fazendo atividades físicas, você pode se manter motivado e, à medida que estiver mantendo seu peso e ganhando melhor saúde, você pode conversar com seu médico sobre atividades adicionais que possam ser feitas.

Para quem sofre com problemas de excesso de peso é preciso manter-se sempre vigilante, combinando uma dieta saudável com atividades físicas e mantendo hábitos saudáveis de vida, dormindo a quantidade de horas suficientes para garantir energia no dia seguinte, sempre pensando no longo prazo.

Seleccione
Medicamento
Preencha o formulário
O médico emite a sua prescrição
Entrega expressa grátis